Empresário que apoiou e ajudou nos atos pelo Impeachment de Dilma, agora chora e diz que o país está indo para o buraco

Causa Operária

A edição impressa da Folha de São Paulo desta terça-feira (2) traz uma coluna do diretor-presidente da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e 1º vice-presidente da FIESP, Benjamin Steinbruch. A coluna escrita por Steinbruch foi publicada sob o seguinte título: “O Brasil precisa reagir”.





O texto aponta para os desanimadores dados da economia, afirmando que não há razões para otimismo. A indústria não recuperou a confiança, o dinheiro liberado do FGTS não foi para o consumo, a arrecadação federal caiu etc. Steinbruch apoiou o golpe mas agora está decepcionado.

A principal razão para a desilusão da burguesia nacional com o golpe no Brasil é que essa mesma burguesia está sendo engolida pela burguesia imperialista. Esperavam compensar suas perdas explorando mais os trabalhadores. As perdas da burguesia nacional, no entanto, serão colossais com o golpe que eles apoiaram. É por isso que Steinbruch vai para a Folhareclamar nesses termos: “a empresa nacional é olhada com preconceito e prega-se a ideia de escancarar o mercado interno”.




Steinbruch, que apoiou o golpe contra ele mesmo, chega a apresentar um programa. O Brasil precisaria: “dar estímulos anticíclicos para compensar dificuldades internas; preservar o conteúdo nacional nos grandes projetos; e zelar pelo empreendedorismo local.” Curiosamente, o programa do governo de Dilma Rousseff, derrubado pelos golpistas.

O problema para Steinbruch é o problema que toda a indústria nacional enfrentará sob o governo golpista colocado no poder por uma campanha forjada pelo imperialismo. Esse governo não tem uma política para o desenvolvimento nacional, mas para abrir um país devastado para as multinacionais estrangeiras. O programa do golpe é um programa de liquidação do país em proveito de especuladores e monopólios de fora.

,

Leia também

Temer expõe Brasil a vergonha mundial, sendo chamado de chefe de quadrilha em jornais estrangeiros

Tijolaço Uma extensa coleta da repercussão da apresentação de denúncia por corrupção de Michel Temer, …