Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Defesa de Lula pede soltura imediata do ex-presidente

A defesa do ex-presidente Lula, protocolou o pedido de liberdade de Lula, após a decisão do STF em derrubar a prisão em 2ª instância, com o voto decisivo do Ministro Dias Toffoli, restabelecendo a Constituição. Em coletiva em frente á Polícia Federal de Curitiba, o advogado Cristiano Zanin informou a imprensa que deu entrada ao pedido de liberdade de Lula junto a 12ª Vara Federal de Curitiba.



“A partir do julgamento, público e notório, não há nada que possa impedir ou protelar uma decisão que determine a expedição do alvará de soltura. Qualquer ato protelatório dará contornos políticos ainda maiores ao processo”, diz Zanin