Governo Federal retira R$ 400 milhões de universidades públicas

Revista Fórum

Somente na Universidade de Brasília, cerca de R$ 80 milhões para pagamento de parcerias e investimentos em estrutura, como laboratórios e bibliotecas, foram cancelados.




Reportagem de Manoela Alcântara, neste domingo (18) no site Metrópoles, revela que cerca de R$ 400 milhões serão retirados das universidades públicas para pagamento de dívidas de pessoal, como aposentadorias de servidores.

Leia também:

O contingenciamento está na Portaria nº 9.420, da Secretaria de Orçamento Federal, publicada em setembro, que autoriza a mudança de destinação nas fontes de recursos e possibilita ao governo federal fazer a transação.



Segundo a reportagem, somente na Universidade de Brasília, cerca de R$ 80 milhões para pagamento de parcerias e investimentos em estrutura, como laboratórios e bibliotecas, foram cancelados.

As universidades federais do Rio Grande do Sul (UFRGS) e do Paraná (UFPR) terão grandes perdas. Cada uma será obrigada a abrir mão de R$ 60 milhões. O total retirado das instituições de ensino superior do país deve alcançar R$ 400 milhões.

Leia a reportagem na íntegra.

Receba nossas atualizações direto no Whatsapp

Receba nossas atualizações direto no Telegram