Apoiador de Bolsonaro, presidente de Federação Israelita no RJ, agride senhora de 80 anos em evento

Jornal GGN

 

Ary Bergher, presidente da Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro (FIERJ) e advogado criminalista, durante festival de dança judaica da Hebraica, foi convidado a se retirar do clube depois de agredir uma senhora octogenária com xingamentos.




A vítima, de 88 anos, fez boletim de ocorrência na 9a. DP, no Catete, e relata que a discussão teria começado por divergências políticas e por causa da venda de ingressos para o festival de dança.

É textual no B.O.: “a declarante estava participando de um evento que estava ocorrendo no local; que ao final do evento o nacional ora identificado como ARY BERGHER se aproximou da declarante e disse: “SUA LADRA, FILHA DA PUTA, VOU TE MATAR!”; que a declarante o conhece de vista porém não tem nenhum relacionamento com o mesmo e desconhece as causas das ofensas e ameaças”.

Leia também:

Segundo informa o jornal O Globo, Ary Bergher foi advogado de Eike Batista e do ex-governador Sérgio Cabral e, dois dias antes do evento de dança na Hebraica, fez um vídeo em apoio ao candidato Jair Bolsonaro, que dividiu a comunidade israelita. Bergher não se pronunciou quando o jornal o procurou.



O grupo Judeus pela Democracia condenou a atitude do presidente da FIERJ em sua página do Facebook.

Receba nossas atualizações direto no Whatsapp

Receba nossas atualizações no Telegram, se inscrevendo em nosso canal