Bolsonaro pede “desculpas” e se retrata por críticas a China

Pedido de desculpas mira investimento dos chineses no país

Em encontro reservado e fechado, com os líderes do BRICS (Brasil, Rússia,Índia,China e África do Sul), Jair Bolsonaro fez uma retratação pelas críticas que ele teceu a República Popular da China. Segundo a Folha, a retratação é para mirar investimentos chineses no Brasil.




A declaração teria sido feita na manhã dessa quinta-feira (14), durante sessão fechada da Cúpula dos BRICS.

Com informações da Folha de São Paulo. Leia a matéria completa na Folha