Com Bolsonaro, dólar dispara e chega aos R$ 4,00 nessa manhã

Diário do Centro do Mundo

O dólar opera em forte alta nesta quinta-feira, passando dos R$ 4 no início da sessão. É o resultado da avaliação dos investidores quanto às tensões políticas entre Executivo e Legislativo, e nas negociações para a reforma da Previdência.

Em outras palavras, é o custo Bolsonaro.

Às 10h14, a moeda norte-americana subia 0,49%, vendida a R$ 3,9737. Veja mais cotações. Logo na abertura da sessão, chegou a R$ 4,0156, cotação máxima do dia até o momento.

LEIA TAMBÉM:

O dólar fechou em forte alta na quarta-feira (27), subindo 2,27%, a R$ 3,9548. Foi o maior patamar de fechamento desde 1º de outubro, quando encerrou a sessão cotado a R$ 4,0174.