CPI da Cloroquina é protocolada, entenda o que é:

30/07/2020

Medicamento propagandeado por Bolsonaro, pode vir a se tornar uma dor de cabeça para o governo em breve. Inesperadamente deputados do PT protocolaram a CPI para investigar um possível superfaturamento  e superprodução da cloroquina.




Inicialmente é bom lembrar que a cloroquina não tem eficácia contra o coronavírus, é o que dizem testes recentes com milhares de pacientes.

Em virtude disso deputados estão entrando com um requerimento de CPI (Comissão Parlamentar de investigação), para investigar o governo e o exército sobre os custos da produção e distribuição da cloroquina.




De acordo com matéria do Estadão, empresários próximos a a Jair Bolsonaro, que fabricam a cloroquina é que ganharam com a propaganda do remédio pelo Bolsonarismo, porque ao mesmo tempo que o presidente fazia propaganda do medicamento, mais eles lucraram.
 

Clique aqui e receba nossas notícias no seu Whatsapp

Clique aqui e receba nossas notícias pelo seu Telegram
 


Bolsonaro afirmou que teve coronavírus mas que teria se curado e por fim voltou a fazer propaganda da cloroquina

 




Apesar da OMS e diversos testes com milhares de pacientes provarem que a cloroquina é ineficiente contra o coronavírus, Jair Bolsonaro insiste na propaganda do medicamento.
 

LEIA TAMBÉM:

Deputado bolsonarista vai pro respirador, mesmo usando cloroquina

O Jurista que prepara denúncia contra Bolsonaro por mortes com a cloroquina

 

Devido a isso os deputados do PT entraram com requerimento de CPI, além disso há uma suspeita de superfaturamento pelo exército na produção da cloroquina, que será investigado pelo TCU.

De acordo com a nota do parlamentares:
 

“É necessário e urgente que a Câmara dos Deputados realize procedimento investigativo para elucidar ao país a existência de superprodução de comprimidos de cloroquina e hidroxicloroquina pelo Governo Federal e pelo Exército.” .

 

O texto também destaca sobretudo a falta de protagonismo do Ministério da saúde no enfrentamento a pandemia do novo coronavírus.
 

Quem foram os parlamentares que subscrevem o pedido de CPI?

 

Antes de tudo é importante lembrar que a CPI precisará de 171 assinaturas para acontecer.

Os Deputados do PT que subscrevem o pedido de CPI são:

Alencar Santana (SP), Arlindo Chinaglia (SP), Jorge Solla (BA), Paulo Pimenta (RS), Rogério Correia (MG) e Rosa Neide (MT), todos do PT.
 

ENTENDA PORQUE A CLOROQUINA É UMA DISTRAÇÃO:

 



Os comentários estão desativados.

<--retirado daqui os relacionados Mobile -->