em Denúncias

São Clemente detona Bolsonaro no Carnaval : Fake news, laranjal e mamata

Mais uma escola de samba do carnaval do Rio de Janeiro, bate duro em Jair Bolsonaro, dessa vez foi a vez da São Clemente, com Marcelo Adnet que resolveu criticar o Laranjal do PSL, as fake news das milícias bolsonaristas. Com o enredo “Conto do Vigário” que fala de fake news e que levou o humorista Marcelo Adnet a sair fantasiado do presidente Jair Bolsonaro, mais críticas a  Bolsonaro em forma de arte para o mundo todo assistir.




Mais críticas a realidade e conjuntura política nacional, com uma dura crítica a Jair Bolsonaro. Mais uma escola de samba fala do câncer ideológico que é o Bolsonarismo. Trouxe críticas ao laranjal do PSL, á máquina de fake news que o bolsonarismo opera e pagos segundo a deputada Joice Hasselmann com dinheiro público.

A escola de samba São Clemente fez uma crítica no ponto certo a realidade atual brasileira. Marcelo Adnet é um dos autores do samba enredo “Conto do Vigário” e também foi destaque em um dos carros alegóricos, fantasiado de presidente Jair Bolsonaro.




O carro alegórico tinha frases como ”A terra é plana” , “Acabou a mamata” e “indiretas já” bem ao estilo bolsonarista.

Adnet fez arminha com as mãos, imitou a flexão de Jair Bolsonaro, que parecia ser feita… apenas com a cabeça.

O carro alegórico de Adnet se chamava “Fábrica de fake news”, já se deve até imaginar porque… como as milícias bolsonaristas atuam no Whatsapp e nos submundos e esgotos das redes sociais ,para atacar adversários e qualquer um que critique o presidente e distrair seu eleitorado.

O Brasil caiu no Conto do Vigário, o tema da escola. “Brasil, compartilhou, viralizou, nem viu! E o País inteiro assim sambou, ‘caiu na fake news!’”, cantavam os passistas.

O Brasil caiu no conto do Vigário de Bolsonaro é verdade…

 

Veja as fotos e vídeos:


 

 

 

Comments are closed.