TJ de SP arquiva ação contra Haddad por corrupção e lavagem de dinheiro

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo arquivou uma ação penal aberta pelo Ministério Público contra Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo e candidato do PT na eleição presidencial de 2018.

O petista era acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Leia também:

A acusação apontava o pagamento pela empreiteira UTC, via caixa dois, de uma dívida de 2,6 milhões de reais remanescente da campanha municipal de 2012, vencida por Haddad.

Segundo a Veja, os promotores, a quitação do débito com gráficas foi feita em troca de futuros benefícios à construtora na administração municipal.

(…)