Filhos de Bolsonaro têm 116 nomeados na estrutura do Congresso

Citados por Queiroz, os cargos no Congresso sob o comando da família Bolsonaro somam, por mês, quase R$ 1 milhão em salários.

Ao todo, o senador Flávio Bolsonaro e o deputado Eduardo Bolsonaro têm 116 pessoas nomeadas nas estruturas do Congresso, somando as vagas nos gabinetes ou relacionadas a funções de comando que os dois exercem. Nos áudios divulgados, Queiroz, ex-assessor de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), indica caminhos para nomeações no Congresso. De acordo com a publicação, a mensagem foi enviada em junho – seis meses depois que o Estado revelou que o ex-assessor foi citado em relatório do antigo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf, agora Unidade de Inteligência Financeira) por movimentações atípicas em sua conta.



As informações são de reportagem de Renato Onofre no Estado de S.Paulo.