em Política

Bolsonaro disse a Trump que Hélio Negão tinha “bilau de japonês”

A informação está no livro “Tormenta” , que são as histórias não narradas do presidente Jair Bolsonaro e sua equipe. O conteúdo do primeiro ano de governo de Bolsonaro, que não foram holofotes, escritos pela repórter Thaís  Oyama,que chega nesse mês as livrarias.  Um dos episódios do livro, narra que Bolsonaro tentou fazer piadas sobre a gravata rosa de Trump e falar de Hélio Negão e que ele tinha “bilau de japonês”.




Bolsonaro comete várias gafes, isso todo mundo sabe, no entanto o uso de “termos xulos” e gafes se superam e vem a tona com o livro Tormenta – O governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos, da jornalista Thaís Oyama, que chega as livrarias no dia 20 de janeiro desse ano.

Um dos episódios mais engraçados foi que Bolsonaro tentou fazer piada com a gravata rosa de Trump, perguntando se na loja que Trump comprou a gravata não tinha “gravatas para homens”. Trump no entanto não entendeu a piada de Bolsonaro.




LEIA TAMBÉM:

Depois Bolsonaro apresentou a Trump, seu braço direito, o deputado federal Hélio Lopes, conhecido como “Hélio Negão”.

Bolsonaro explicou a Trump, que a alcunha de “Hélio Negão”, se devia ao fato dele ser negro, “mas, apesar de negão”, ele tem ”bilau de japonês”.

Não se sabe se Trump riu com a piada de Bolsonaro, mas que no entanto mostra bem o nível do governo e tudo que não foi notícia na mídia. Por isso o livro deve ser uma boa leitura para o ano de 2020.




As informações são do Blog de Guilherme Amado, na Revista Epoca.  A informação sobre o episódio fez internautas comentarem o comentário de Bolsonaro.

Confira algumas reações:

Clique aqui e receba nossas notícias no seu Whatsapp

Entre no nosso canal de Telegram e receba nossos conteúdos por lá

Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | VK | Instagram

Comments are closed.